quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Virabrequim de motor Stirling caseiro, construído com cabeçote de vídeo cassete


Nesta página, estão algumas fotos e materiais que foram utilizados na construção do virabrequim de um dos primeiros motores que eu fabriquei, totalmente rolamentado.




Na fig. 1, é possível conhecer um cabeçote de vídeo cassete, é uma peça que possui rolamento de ótima qualidade, baixo atrito, com um eixo em inox de 6 mm de diâmetro, resistente e livre de ferrugem.

Cabeçote de vídeo cassete, Manual do motor Stirling
Fig. 1


Abaixo, o cabeçote está totalmente desmontado, a peça com o eixo em inox introduzido, vista à esquerda na imagem (fig. 2), será a parte giratória, para fixar as bielas rolamentadas.

Já a peça central com dois rolamentos, será o suporte do virabrequim, fixa na base do motor.

Cabeçote de vídeo cassete desmontado, Manual do motor Stirling
Fig. 2


Na fig. 3, a peça recortada com uma serrinha de cortar ferro manual, em um formato de manivela, é a parte fixa originalmente com um eixo do cabeçote.

Cabeçote de vídeo cassete recortado para manivela do virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 3


Foi recortado um outro cabeçote de vídeo cassete, na fabricação dos contrapesos do balancim para o pistão de trabalho, visto na fig. 4.

Contrapesos do balancim para o virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 4


Na fig. 5, é possível visualizar todas as peças necessárias para a montagem da manivela do pistão de trabalho.

Contrapesos, balancim para a montagem da manivela do virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 5


Esse braço leitor do disco rígido (HD), é usado para a montagem da biela, que é constituída de dois rolamentos internos, de alta qualidade e baixo atrito, Fig. 6.

Disco rígido (HD), mas um braço leitor, Manual do motor Stirling
Fig. 6


Na fig. 7, os contrapeso em formato de meia lua, foram fixadas com parafusos, para dar o equilíbrio do conjunto pistão + biela, ou como é conhecido de balanceamento.

Kit a para a montagem do virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 7


Na fig. 8, à esquerda um cabeçote de vídeo cassete original, ao lado direito está o cabeçote recortado com os rolamento expostos e será usado como suporte para o virabrequim.

Cabeçote de vídeo cassete recortado, Manual do motor Stirling
Fig. 8


Na fig. 9, já estão fixos dois cabeçotes, preparado com um eixo para determinar a posição exata do terceiro cabeçote, determinado pelo eixo da imagem abaixo.

Cabeçote de vídeo cassete montado sobre a base do motor, Manual do motor Stirling
Fig. 9


Na fig. 10, foi encaixo previamente o terceiro cabeçote, para demarcar a posição exata de sua futura fixação na base.

Alinhamento do terceiro cabeçote de vídeo cassete sobre a base do motor, Manual do motor Stirling
Fig. 10


Na fig. 11, foi posicionado uma chapa de metal, que será definitivamente fixa naquela posição, assim é possível remover o cabeçote sem comprometer o alinhamento dos cabeçotes.

Fixação do terceiro cabeçote de vídeo cassete sobre a base do motor, Manual do motor Stirling
Fig. 11


Na fig.12, estão todos os 3 cabeçotes fixos na base e cada cabeçote com dois rolamentos originais de fabrica.

Terceiro cabeçote de vídeo cassete sobre a base do motor, Manual do motor Stirling
Fig. 12


Para o volante, é usado um disco de corte, além de três outras peças de cabeçotes de vídeos cassete, fig. 13.

Disco de corte usado como volante do motor, Manual do motor Stirling
Fig. 13


Nessa imagem abaixo (fig. 14), está disposta todas as peças para a montagem completa do virabrequim.

Pré disposição de todas as peças para a montagem do virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 14


As bielas sempre apresentam uma defasagem de 90° entre elas, ou seja, o pistão deslocador encontra-se 1/4 de volta adiantado em relação ao pistão de trabalho. A biela da esquerda é do pistão de trabalho e a biela da direita do pistão deslocador, como visto na fig 15.

Montagem completa do virabrequim, Manual do motor Stirling
Fig. 15


Repare na fig. 16, a biela faz a união dos dois eixos, permitindo o livre movimento giratório do eixo.

Fig. 16


Essas duas peças na cor dourada (fig. 17), foram unidas por solda de estanho, assim é possível fazer a união e prolongamento deste eixo, permanecendo perfeitamente alinhado e desmontável.

Fig. 17


Imagem (fig. 18) aproximada da fixação da biela do pistão de trabalho, parafusos originais de HD.

Fig. 18


Nessa imagem (fig. 19), está destacada o conjunto balancim e manivela do pistão deslocador.

Fig. 19



Saiba como fazer o seu primeiro motor Stirling caseiro >>>

Como aumentar a velocidade do motor em latas de alumínio para 1600 RPM >>>









Qualquer dúvida ou sugestões de melhorias, entrem em contato!
Leandro Wagner.

4 comentários:

  1. teria como mandar a lista de matérias ou posta-la ?

    ResponderExcluir
  2. Teria, por gentileza, a lista dos materiais de Motor com Virabrequim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Moseline, desculpe, mas eu não tenho lista e nem tutorial deste motor, recomendo que visite o tutorial 1 e 2, onde terá a sua disposição uma lista de cada um dos motores.
      Leandro Wagner.

      Excluir
  3. Amigo, boa noite, estou querendo fazer um motor Stirling, porém quero usar cabeçotes de vídeo cassetes, no entanto não encontro o vídeo que vc fez mostrando o passo a passo deste trabalho,lembro-me que já assisti, podem me passar o lnk? Grato, Klaus

    ResponderExcluir